Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (2023)

CULTPOP - Cultura Pop, Comunicação e Tecnologias

Líder: Adriana Amaral

O Laboratório de Pesquisa CULTPOP – Cultura Pop, Comunicação e Tecnologias, registrado no CNPq e vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação da Escola da Indústria Criativa da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS) em nível de Mestrado e Doutorado se dedica desde sua fundação em 2011 aos estudos sobre a cultura pop e suas interfaces com a cultura digital na área de Comunicação. O laboratório se dedica à formação de pesquisadores dos mais variados níveis desde a Iniciação Científica, Mestrado, Doutorado e Pós-Doutorado.  O CULTPOP se dedica à pesquisa na intersecção entre a cultura pop, a comunicação e as tecnologias tendo múltiplos aportes teórico-metodológicos para pensar o papel da cultura pop no contemporâneo e suas relações entre performances, materialidades, mídias, culturas urbanas e estéticas. Os enfoques do laboratório de pesquisa têm como finalidade a reflexão, a crítica e a elaboração de propostas de pesquisa que pensem a cultura pop no contexto das transformações digitais no âmbito de suas práticas e processos de sociabilidade. Dentro desse escopo nossas investigações privilegiam temáticas como a das cenas musicais, subculturas, linguagens e produtos midiáticos da cultura pop, consumo e suas audiências e fãs a partir das relações com as subjetividades e interseccionalidades e das micro-políticas e resistências cotidianas. Além da pesquisa acadêmica, nossa missão diz respeito à popularização da ciência através das dinâmicas e linguagens da cultura pop nos ambientes digitais e à elaboração de políticas públicas relacionadas às áreas das indústrias criativas.

Site: https://cultpoplab.com/ 

Digilabour

Líder: Rafael Grohmann

O Laboratório de Pesquisa DigiLabour produz investigações em torno das conexões entre mundo do trabalho e tecnologias digitais. Apresenta focos nos temas de trabalho por plataformas e plataformização do trabalho; cooperativismo de plataforma, autogestão e arranjo alternativos de trabalho; perfis e condições de trabalho de profissionais de comunicação e da indústria criativa; organização coletiva de trabalhadores e tecnologias digitais; algoritmos e inteligência artificial no trabalho; dataficação e vigilância no trabalho; circulação de sentidos em relação ao mundo do trabalho; materialidades do trabalho em plataformas; relações de comunicação no mundo do trabalho; circuito produção-consumo e cultura digital. Mantém uma newsletter com o objetivo de curar, produzir e circular conteúdo sobre essas temáticas. Tem como valores o impacto social, a comunicação da ciência e a internacionalização.

Site:https://digilabour.com.br/

Projetos em Desenvolvimento:https://digilabour.com.br/projetos/

Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (1) Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (2)

EPISTECOM

Líder: Jairo Ferreira

(Video) PUCRS EAD VALE A PENA?

O objetivo central deste grupo é refletir sobre as interfaces, empíricas e epistemológicas, da linhagem de pesquisa midiatização e processos sociais em diversos níveis:

a) perspectivas epistemológicas relativas ao conceito de midiatização, em pesquisas em desenvolvimento em diversos quadrantes do planeta;

b) interfaces entre a linhagem de pesquisa midiatização e outras linhagens, especialmente relativas às mediações, cibercultura e imagem;

c) interfaces entre essa linhagem e perspectivas fundadas pelas teorias sociais, da linguagem e informacionais-cibernéticas. Os focos podem incidir sobre os meios, seus usos sociais em diversos níveis, os circuitos e interações derivadas disso, as mutações dos campos de especialistas, dos espaços privados e suas configurações em espaço público. No contemporâneo, investiga especialmente a mediação dos algoritimos, produzidos conforme lógicas do projeto de inteligência artificial. Pergunta-se sobre novas condições da espécie nesse contexto.

Meios editados pelo grupo:

Blog Midiaticom: https://www.midiaticom.org/

Revista Questões Transversais: http://revistas.unisinos.br/index.php/questoes/index

Hotsite Seminário Midiatização: https://www.midiaticom.org/seminario-midiatizacao/

Anais de Artigos: https://midiaticom.org/anais/index.php/seminario-midiatizacao-resumos/issue/archive

Anais de resumos ampliados: https://midiaticom.org/anais/index.php/seminario-midiatizacao-resumos/issue/archive

Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (3) Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (4)

Laboratório da Circulação, Imagem e Midiatização – LACIM

(Video) Pós-graduação Unisinos - Qual é o seu propósito?

Líder: Ana Paula da Rosa

O grupo se constitui como um espaço de discussão e reflexão sobre os processos comunicacionais complexificados pela midiatização, tendo como eixo central as imagens e a circulação. A proposta é laboratorial na medida em que aproxima o debate da circulação das investigações do imaginário, com ênfase nas abordagens do imaginário midiático, e que visa desenvolver metodologias para análise e observação dos fluxos, configurando um observatório midiático que contemple a dimensão do sensível. Assim, entende-se que a multiplicidade de perspectivas teóricas e de objetos tensionada pelos aportes da midiatização evidencia um potencial de descobertas que envolva a tríade imagens; coletivos e a circulação de sentidos amplificadas pelo cenário do digital. A repercussão esperada pelo grupo é estimular a produção científica qualificada, desenvolver pesquisas no âmbito da pós-graduação que se voltem para os fenômenos da imagem, do imaginário, de suas apropriações sociais, além do trabalho em rede. Assim os integrantes do grupo se organizam em torno de 3 eixos: Circulação e Processos de Produção de sentido, Imagens em Circulação e imaginários e Midiáticos e Midiatização: entre operações e lógicas de transformação social.

Para mais informações e acesso às nossas pesquisas e eventos, acesse nossas redes:

Site:https://www.lacim.com.br

O grupo também participa da edição de:

Blog Midiaticom: https://www.midiaticom.org/

Revista Questões Transversais: http://revistas.unisinos.br/index.php/questoes/index

Hotsite Seminário Midiatização: https://www.midiaticom.org/seminario-midiatizacao/

Anais de Artigos: https://midiaticom.org/anais/index.php/seminario-midiatizacao-resumos/issue/archive

Anais de resumos ampliados: https://midiaticom.org/anais/index.php/seminario-midiatizacao-resumos/issue/archive

Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (5) Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (6) Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (7)

LIC - Laboratório de Investigação do Ciberacontecimento

(Video) Unisinos anuncia encerramento de 12 cursos.

Líderes: Ronaldo Henn e Maria Clara Aquino

O LIC reúne um conjunto de pesquisas que tratam da produção e circulação de acontecimentos no âmbito das redes e plataformas digitais. Através de estudos que se articulavam na revisão de teorias sobre o acontecimento, da produção de sentidos nos ambientes culturais e das questões trazidas pelo universo da cultural digital, chegou-se na elaboração do conceito de ciberacontecimento, cuja principal marca é conter, na sua natureza, a textura das redes sociais digitais. Atualmente, as pesquisas em andamento pelo grupo projetam mapeamento e monitoramento de processos que se dão nas conexões em rede e que possuem potencialidades como fontes de geração de acontecimentos jornalísticos. O grupo desenvolve experiências metodológicas que envolvem a utilização de softwares de monitoramento, rastreamento e visualização, e também processos de análises qualitativas com perspectivas semióticas e etnográficas. O aprofundamento realizado nas análises sobre os ciberacontecimentos abriu espaço para o desenvolvimento de um método de pesquisa próprio do LIC. A análise de construção de sentidos em redes digitais, que se constitui de forma macro, através de conexões e linhas produzidos pelos atores sociais envolvidos, e a que se dá no plano micro, constituída pelas conexões entre os atores sociais, que desencadeiam semioses específicas. Através do desenvolvimento deste método, aliado ao emprego de softwares de coleta e análise de dados em redes digitais, tem sido possível mapear casos e analisar seus desdobramentos nas e para além das redes. Há um campo vasto de setores que pode recolher insumos dessas pesquisas, como os movimentos sociais, os estudos de gênero, a cultura pop, as organizações políticas, a economia criativa, os processos de produção no jornalismo e a desinformação. Aparecem em destaque: processos transnarrativos e hipermidiáticos que incluem a presença de outros atores; a reverberação instantânea que passa a ser incorporada na própria narrativa, também a constituindo; e a eclosão desses outros modos de acontecimento que se tramam no cenário de conexões sistêmicas altamente complexas.

Para mais informações e acesso às nossas pesquisas e eventos, acesse nossas redes: 

Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (8) Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (10)

MIDIATIZAÇÃO E PROCESSOS SOCIAIS

Líderes: Antônio Fausto Neto e Pedro Gilberto Gomes.

O propósito do grupo reside na reflexão aprofundada e no estímulo às trocas de conhecimento, rotinas, procedimentos em torno das investigações realizadas por membros, pesquisadores individuais e grupos de pesquisa nacionais e internacionais sobre a Midiatização. Neste sentido valoriza-se a discussão epistemológica da midiatização e dos processos midiáticos, o estímulo à proposição de metodologias e teorias disruptivas, além da pesquisa empírica. Para além destes três pilares, o Grupo de Pesquisa Midiatização e Processos Sociais (que tem por base os professores e alunos da Linha de Pesquisa Midiatização e Processos Sociais do PPGCC) enfatiza os processos de internacionalização como referência para atividades de pesquisa, formação, solidariedade, nucleação, impactos e inserção local, regional e nacional. Visa também tornar públicas as atividades dos grupos e redes vinculados ao Grupo e se constituir em fonte para pesquisas sobre o tema, nacional e internacionalmente. Dentre as atividades destacadas pode-se indicar Seminário Internacional em Midiatização (coordenado pelo. Prof. Jairo Ferreira), o CISECO (coordenado pelo prof. Antônio Fausto Neto) e as publicações bibliográficas. O grupo também articula e congrega os demais grupos vinculados à linha de pesquisa Midiatização e Processos Sociais do PPGCC: Epistecom e LACIM.

O grupo é co-gestor científico na edição dos seguintes meios :

Blog Midiaticom: https://www.midiaticom.org/

Revista Questões Transversais: http://revistas.unisinos.br/index.php/questoes/index

Hotsite Seminário Midiatização: https://www.midiaticom.org/seminario-midiatizacao/

Anais de Artigos: https://midiaticom.org/anais/index.php/seminario-midiatizacao-resumos/issue/archive

(Video) Unisinos EAD é confiável?

Anais de resumos ampliados: https://midiaticom.org/anais/index.php/seminario-midiatizacao-resumos/issue/archive

Site Ciseco: http://www.ciseco.org.br/

Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (11) Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (12)

PROCESSOCOM

Líderes: Jiani Adriana Bonin e Alberto Efendy Maldonado Gómez de la Torre 

O grupo de pesquisa Processos Comunicacionais: Epistemologia, Midiatização, Mediações e Recepção – PROCESSOCOM trabalha na fundamentação, construção e sistematização de investigações científicas em Comunicação. Tem como linha central a formação de pesquisadores numa perspectiva transformadora. Explora, em termos metodológicos, uma epistemologia crítica que busca articular sabedorias milenares com estratégias inovadoras para a resolução de problemas de relevância social, histórica e política. Investiga numa perspectiva Transmetodológica, opção epistemológica que afirma a necessidade de confluência/confrontação fortalecedora de epistemes, teorias e métodos em perspectiva transformadora e desenvolve processos de experimentação e invenção metodológicas. As pesquisas do grupo incluem problemáticas que vinculam processos comunicacionais/midiáticos, cultura e cidadania. Como eixo temático central, a cidadania comunicativa é pesquisada em dimensões que incluem o exercício, a participação, a produção, a criação, a fruição e os direitos das pessoas, como sujeitos comunicantes interculturais nas sociedades informatizadas, midiatizadas e multidimensionais de nosso tempo. O grupo é articulado à Rede AMLAT - Rede Temática Comunicação, Cidadania, Educação e Integração Na América Latina.  

Site: http://www.processocom.org 

Site Rede Amlat: http://www.redeamlat.org/ 

Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (13) Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (14) Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (15) Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (16)

TCAV – Audiovisualidades da Tecnocultura: Comunicação, Memória e Design

Líder: Gustavo Daudt Fischer

O diretório volta-se paras as tendências comunicacionais, memoriais, projetuais e experimentais do audiovisual, inscrevendo-o em um campo heterogêneo de formatos, suportes e tecnologias que atravessam e transcendem as mídias, por convergência e dispersão. As pesquisas autenticam e analisam audiovisuais em contextos midiáticos e em contextos não reconhecidamente midiáticos ou audiovisuais; reconhecem a historicidade e especificidade do cinema, da televisão, do vídeo e das mídias digitais, e as investigam na perspectiva mais geral de um aparelho e de uma ecologia audiovisual; buscam compreender suas linguagens e configurações nos usos e apropriações praticados pelas mídias e pelos espectadores, entendidos esses, agora, também como protagonistas. Emergentes da cena contemporânea, tais usuários são desafiados e seduzidos a também agirem - até mesmo de forma projetual - em larga escala, como as mídias, na medida em que se disponibilizam a eles mais e melhores ferramentas de realização audiovisual, mais ou menos dissemináveis na rede comunicacional expandida pela Internet. Tais práticas das mídias e dos usuários inscrevem as audiovisualidades como substâncias da cultura, impactada pela importância crescente do design em seu devir.

(Video) Pós-Graduação Híbrida Unisinos

Site oficial: https://tecnoculturaaudiovisual.com.br/

Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (17) Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (18) Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (19) Pós Graduação Unisinos - EDUCAÇÃO - Presencial (20)

CONHEÇA MAIS GRUPOS DE PESQUISA AQUI

FAQs

O que está acontecendo com a Unisinos? ›

Por que os programas serão encerrados? Em nota divulgada em seu site no último dia 22, a Unisinos diz que a motivação para o encerramento dos programas de pós-graduação é financeira. A instituição cita redução de matrículas, financiamento público e pandemia.

Quais cursos fecharam na Unisinos? ›

Na tarde desta sexta-feira, a instituição divulgou a lista dos demais cursos que deixarão de existir além da área de história: linguística aplicada, comunicação, psicologia, biologia, história, ciências sociais, economia, geologia, ciências contábeis, arquitetura, biologia, enfermagem, engenharia mecânica.

Qual o valor de um curso de doutorado? ›

Um curso de doutorado custa em média entre R$ 54.300 e R$ 86.348 em uma instituição de ensino superior privada.

Como ingressar na Unisinos? ›

Graduação. Você pode ingressar na Unisinos através do Vestibular, composto por provas de questões objetivas e de redação. Também é possível utilizar as notas do exame do ENEM em substituição às provas de redação e de questões objetivas.

Qual é melhor Feevale ou Unisinos? ›

Entre as 20 melhores universidades privadas, também se destacam outras cinco instituições do Rio Grande do Sul: Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), em quinto lugar (36º no geral), Universidade de Caxias do Sul (UCS), em sexto (42º no geral), Universidade Feevale, em 13º (69º geral), Universidade de Passo ...

Qual a nota da Unisinos no MEC? ›

Na ocasião, o grupo observou a infraestrutura e setores da Universidade e, após análise, avaliou a Unisinos com nota 5, conceito máximo concedido pelo MEC para EAD.

Quais cursos têm nota de corte baixa 2022? ›

Cursos mais e menos concorridos do PROUNI 2022
  • Administração: entre 610 e 680 pontos.
  • Agronomia: entre 540 e 650 pontos.
  • Arquitetura e Urbanismo: entre 610 e 730 pontos.
  • Artes Visuais: entre 455 e 695 pontos.
  • Biomedicina: entre 640 e 715 pontos.
  • Ciências Biológicas: entre 625 e 730 pontos.
6 days ago

Que dia começa as aulas Unisinos 2022? ›

Cursos de Graduação Presencial – 2022/2 com ingresso no 2º bimestre letivo de 2022/2 10B: 10 de outubro a 10 de dezembro de 2022 15 de agosto de 2022 até 01 de outubro de 2022** Graduação a Distância e Cursos de Graduação EaD formato Híbrido com ingresso no 1º bimestre letivo de 2022/2 10A: 01 de agosto a 01 de outubro ...

Qual o curso menos concorrido da Ufrgs? ›

UFRGS
CursoConcorrência (C/V)
Química0,55
Matemática0,56
Licenciatura em Química0,57
Engenharia Hídrica0,59
6 more rows
13 Mar 2022

O que é mais importante mestrado ou doutorado? ›

Geralmente, o mestrado vem antes do doutorado. No entanto, isso não significa que a ordem precisa ser seguida. Percebeu a única diferença no critério de seleção para ingressar em um desses dois cursos? O que muda é que o doutorando precisa apresentar um tema inédito para construir a sua tese.

Como fazer doutorado de graça? ›

Seja pela Capes – Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – ou uma agência de fomento, existem algumas formas de conseguir sua bolsa de doutorado. No entanto, é preciso ficar atento às condições de cada uma. Além disso, cada Instituição de Ensino Superior (IES) seleciona as bolsas de uma forma.

Tem como fazer doutorado de graça? ›

Estudar de graça (ou quase) na Suécia

Assim como na Finlândia, os estudantes estrangeiros na Suécia não precisam pagar tuition fees para programas de doutorado.

Quanto ganha um professor da Unisinos? ›

Qual é o salário de Professor Universitário na empresa Unisinos? A média salarial nacional de Professor Universitário na empresa Unisinos é de R$ 11.541 por mês. O salário mensal de Professor Universitário na empresa Unisinos varia de R$ 8.691 a R$ 23.752.

Como conseguir bolsa 100% na Unisinos? ›

BOLSAS PROUNI | UNISINOS

São disponibilizadas bolsas de estudos integrais (100%) e bolsas de estudos parciais (50%). Para concorrer as bolsas de estudos integrais a renda familiar per capita deve ser de até 1,5 salário mínimo.

Qual a posição da Unisinos no ranking? ›

Posição em cada indicador
Nota final70.89 0 20 40 60 80 10036°
Pesquisa25.81 0 4067°
Ensino24.57 0 3237°
Mercado16.01 0 1822°
Internacionalização2.11 0 692°
2 more rows

Quem é o dono da Unisinos? ›

Mantida pela Associação Antônio Vieira e vinculada à Companhia de Jesus. A Unisinos integra uma rede de 200 instituições de ensino superior jesuítas, com 2,2 milhões de alunos no mundo todo.

Quanto custa Medicina na Unisinos? ›

Curso de Medicina da Unisinos terá duração de 6 anos

Atualizada em 03/08, às 17h. Os dois novos cursos de Medicina no Estado autorizados pelo Ministério da Educação (MEC) na última terça-feira (1º) irão custar, mensalmente, entre R$ 7.920,00 e R$ 8.040,00 (1º semestre) até R$ 9.680,00 e R$ 10.500,00 (12º semestre).

Qual a melhor Ufrgs ou Pucrs? ›

Em lista divulgada em maio, a PUCRS aparece como a melhor instituição gaúcha, em 191º lugar. Depois vem a UFRGS, na faixa de 201-250, seguida de UFPel, UFSM e Unisinos (301-350). Essa variação nas posições acontece de acordo com o método usado em cada ranking.

Tem Fies na Unisinos? ›

A cada ano, a Unisinos vinha aumentando o número de ofertas de FIES para alunos que queriam e precisavam de um financiamento mais acessível. Em 2014, a oferta da instituição foi maior do que a demanda dos estudantes, por falta de candidatos que se enquadrassem nos requisitos exigidos pelo MEC.

Qual a nota da Feevale no MEC? ›

O curso de Moda da Universidade Feevale obteve nota máxima: o conceito 5 – excelente – na Avaliação de Regulação de curso do Ministério da Educação (MEC).

Qual a nota da Ufrgs no MEC? ›

A universidade chegou a 4,29 pontos em uma escala que vai de 1 a 5 e atingiu a faixa máxima do conceito — algo que só 1,5% das instituições de Ensino Superior conseguiram neste ano. Entre todas as universidades do Brasil, o primeiro lugar ficou com a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), que somou 4,37 pontos.

Qual o curso mais procurado em 2022? ›

1. Engenharia
  • Engenharia Elétrica;
  • Engenharia Civil;
  • Engenharia Mecânica;
  • Engenharia Mecatrônica;
  • Engenharia de Produção.
26 Jul 2022

Qual curso mais procurado 2022? ›

Os cursos de direito, na modalidade presencial, e administração, no modelo à distância, foram os mais procurados pelos estudantes que se matricularam em instituições de ensino superior no Brasil, neste primeiro semestre de 2022 (veja lista completa abaixo).

Qual é a nota de corte para Pedagogia? ›

O curso de Pedagogia apresenta nota de corte média de 577.9 pontos para ingresso pelo Sisu 2022, Considerando a menor nota de corte de 412.66 pontos e a maior nota de corte de 708.5 pontos.

Que dia volta as aulas Unisinos? ›

As aulas voltam na próxima segunda-feira, dia 21/02, e a Unisinos está ansiosa para te receber. Que você tenha um semestre cheio de bons momentos, vivenciando a melhor experiência acadêmica na Universidade.

Como será o ano letivo 2022 no RS? ›

O ano letivo de 2022 será dividido em quatro bimestres. Este formato permitirá que o planejamento pedagógico tenha uma organização mais efetiva, com maior capacidade de resposta neste momento de recuperação das aprendizagens.

Quando começam as aulas na Unisinos? ›

Confira como será o retorno das atividades acadêmicas na Universidade. Nesta segunda-feira, 1/3, a Universidade irá retornar suas atividades acadêmicas. Diante do cenário de pandemia, as aulas iniciam o semestre de forma híbrida. Algumas atividades ocorrerão no campus.

Qual faculdade menos procurada? ›

Há cursos muito promissores para o seu futuro profissional, tais como Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Mineração, Gestão Hospitalar, Zootecnia, Turismo e Pedagogia. Para você ter uma ideia, também são considerados cursos menos concorridos no vestibular.

Qual o curso menos procurado? ›

Cursos menos concorridos no SiSU 2021
  • Administração Hospitalar.
  • Agronegócio.
  • Agronomia.
  • Alimentos.
  • Análise e Desenvolvimento de Sistemas.
  • Artes Visuais.
  • Biblioteconomia.
  • Ciência e Tecnologia.
7 Jan 2022

Quais são as faculdades menos procuradas? ›

As universidades menos concorridas no Sisu são:
  • Ufersa – Universidade Federal Rural do Semi-Árido;
  • UFAC – Universidade Federal do Acre;
  • UEPB – Universidade Estadual da Paraíba;
  • UTFPR – Universidade Tecnológica Federal do Paraná;
  • UFVJM – Universidade Federal do Vale do Jequitinhonha e Mucuri.
20 Jun 2022

É possível fazer mestrado antes da pós? ›

Para fazer um Mestrado, você precisa ter algumas qualificações, mas ter uma pós-graduação está longe de ser uma delas. Isso porque o Mestrado em si já é considerado uma forma de pós-graduação, porém, é muito mais aprofundado que os demais cursos de especialização que encontramos nas instituições de ensino.

Quem faz pedagogia pode fazer mestrado em que? ›

Compare 35 Mestrados em Pedagogia
  • Mestrado Online em Educação. ...
  • Mestre da educação. ...
  • Programa De Mestrado Em Ensino E Aprendizagem. ...
  • Mestre em Ética da Educação: Filosofia, História e Direito. ...
  • Mestre em Pedagogia e Ensino para a Sustentabilidade. ...
  • Mestrado em Psicopedagogia Terapêutica. ...
  • Mestrado em Pedagogia Montessori (0-6 anos)

Qual a melhor idade para fazer mestrado? ›

Em relação à idade, a maior parte dos mestres tem de 30 a 34 anos, enquanto os doutores têm de 35 a 39 anos. Mas descobrimos algo bem interessante com essa pesquisa…

Qual a vantagem de ter doutorado? ›

Uma das principais é melhorar a empregabilidade. A especialização que um doutorado lhe dá, oferece conhecimentos essenciais se você quiser se dedicar ao ensino. Por outro lado, é uma vantagem se você quiser trabalhar na administração pública.

Qual é a diferença entre pós e MBA? ›

O MBA é uma sigla para Master in Business Administration, que pode ser traduzido como Mestre em Negócios e Administração. Apesar dessa nomenclatura, ele não tem o valor de um mestrado. Essa especialização é equivalente a uma pós-graduação lato sensu e foca no segmento da administração, com ênfase em negócios e gestão.

O que é o título de PhD? ›

A abreviação vem do latim Philosophiae doctor. Philo significa amigo ou amante e sophia significa sabedoria, conhecimento. Portanto, a palavra Philosophy é usada em PhD pelo seu significado original em latim: “amor pelo conhecimento”. Ser doutor demonstra que você possui total desenvoltura e domínio sobre um assunto.

Precisa ter inglês para fazer doutorado? ›

Costumam ser muitos os requisitos para ingressar em um programa de doutorado, como aprovação do projeto de pesquisa, análise de currículo, prova dissertativa, entrevista e proficiência em um segundo ou até mesmo em um terceiro idioma. E é claro que o inglês é uma exigência em grande parte dos programas de doutorado.

É difícil ter doutorado? ›

O desenvolvimento de uma tese de doutorado é um processo que requer desvelo, tempo e disponibilidade. Por isso, muito embora não haja intensa programação de atividades em sala de aula, o processo exige dedicação integral do aluno: é muito difícil conciliar a pós-graduação e um registro de trabalho convencional.

Qual é o estado que paga melhor o Professor? ›

O maior salário para professor no Brasil é pago pelo Governo de Mato Grosso do Sul. A remuneração inicial na Rede Estadual de Ensino é de R$ 8.381,63 para professor graduado com carga de 40h/aula.

Quanto ganha um Professor doutor na PUC? ›

Segundo o portal Vagas.com.br, o salário de um professor universitário varia entre R$ 3.123 e R$ 7.000.

Quanto ganha um Professor de PUC? ›

O salário bruto inicial de um Professor Assistente na PUC-Rio é de R$ 12.167,65.

Tem bolsa 100% na PUC? ›

A Fundação São Paulo – Mantenedora da PUC-SP, cumpre rigorosamente a Lei de Filantropia, concedendo bolsas de estudo de 100% e 50%, acima da proporção exigida, para estudantes com a renda familiar per capita de até 01 salário mínimo e meio e de até 03 salários mínimos, respectivamente.

Como conseguir bolsa de 50% na PUC? ›

Os aprovados no processo seletivo que poderão ser beneficiados com bolsa de estudo – Vestibular Social (no valor de 50% do valor da mensalidade), devem ter renda familiar bruta mensal de até um salário mínimo e meio por pessoa e apresentar patrimônio compatível à renda declarada.

Como conseguir uma bolsa de 50%? ›

Para a bolsa parcial (50%), a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa. Além disso, o candidato deve satisfazer a pelo menos uma das condições abaixo: Ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública.

Como ser professor na Unisinos? ›

São elegíveis professores ou pesquisadores, com vínculo empregatício a UNISINOS, que possua mais de 10 (dez) anos de doutoramento, tendo por referência o último dia para a inscrição no processo seletivo.

Como é estudar na Unisinos? ›

5 – Excelência Acadêmica

Por anos consecutivos, a Instituição é avaliada pelo Ministério da Educação (MEC) entre as melhores universidades privadas do país. Com campi em São Leopoldo e Porto Alegre, também está presente em diversas cidades do estado com cerca de 30 polos de Ensino a Distância.

Quando começa as aulas Unisinos 2022? ›

Cursos de Graduação Presencial – 2022/2 com ingresso no 2º bimestre letivo de 2022/2 10B: 10 de outubro a 10 de dezembro de 2022 15 de agosto de 2022 até 01 de outubro de 2022** Graduação a Distância e Cursos de Graduação EaD formato Híbrido com ingresso no 1º bimestre letivo de 2022/2 10A: 01 de agosto a 01 de outubro ...

Qual é a posição do Brasil no ranking? ›

O Brasil também ficou no 4º lugar global em 2021 com saldo de US$ 50 bilhões. O valor é inferior aos US$ 65 bilhões de 2019, mas superior aos US$ 28 bilhões de 2020. A pandemia derrubou os investimentos no mundo. Mais ainda no Brasil.

Quando voltam as aulas presenciais no RS? ›

Será o primeiro período letivo após o início da vacinação contra a Covid em crianças de 5 a 11 anos. No estado, as aulas voltam no próximo dia 21. O Ministério Público é o responsável por fiscalizar eventuais descumprimentos do direito de vacinação às crianças, previsto no Estatuto da Criança e Adolescente (ECA).

Que dia começam as aulas RS? ›

Conforme o Calendário, as aulas do próximo ano terão início em 23 de fevereiro e se encerrarão em 22 de dezembro. O recesso escolar será entre os dias 19 e 30 de julho. E o começo do 2º semestre está marcado para o dia 1º de agosto.

Quando inicia as aulas na Feevale? ›

O ano letivo na Escola de Aplicação Feevale teve início nesta quinta-feira, 10. As aulas retornaram à modalidade 100% presencial para todos os estudantes, respeitando as orientações de prevenção, monitoramento e controle da transmissão da Covid-19.

Vai ter aula presencial em 2022 Manaus? ›

Mais de 250 mil estudantes da rede municipal de Manaus voltaram às aulas para o segundo semestre de 2022 - Prefeitura Municipal de Manaus.

Qual o número de estudantes da Unisinos? ›

O que quer dizer Unisinos? ›

1969. Em 31 de julho de 1969, Dia de Santo Inácio de Loyola, foi autorizado oficialmente o funcionamento da Universidade do Vale do Rio dos Sinos – Unisinos.

Videos

1. PÓS-GRADUAÇÃO GRATUITA! Para você fazer em 2022 ou 2023!
(Revista Científica Núcleo do Conhecimento)
2. Conheça a Graduação Tecnológica da Unisinos
(Unisinos)
3. Meu mestrado em Harvard: como funciona o processo de admissão
(Estudar Fora)
4. Pós-graduação em Sexualidade Humana
(CETRUS - Educação Médica)
5. Nova Pós Unisinos
(Unisinos)
6. Unisinos 100% EAD
(Unisinos)
Top Articles
Latest Posts
Article information

Author: Sen. Ignacio Ratke

Last Updated: 03/22/2023

Views: 6482

Rating: 4.6 / 5 (76 voted)

Reviews: 91% of readers found this page helpful

Author information

Name: Sen. Ignacio Ratke

Birthday: 1999-05-27

Address: Apt. 171 8116 Bailey Via, Roberthaven, GA 58289

Phone: +2585395768220

Job: Lead Liaison

Hobby: Lockpicking, LARPing, Lego building, Lapidary, Macrame, Book restoration, Bodybuilding

Introduction: My name is Sen. Ignacio Ratke, I am a adventurous, zealous, outstanding, agreeable, precious, excited, gifted person who loves writing and wants to share my knowledge and understanding with you.